Notícias
08/01/2018
Cirurgia de catarata diminui riscos de morte em mulheres idosas, diz estudo

Compartilhe
Cirurgia de catarata diminui riscos de morte em mulheres idosas, diz estudo

Cirurgia de catarata diminui riscos de morte em mulheres idosas, diz estudo

Um estudo promovido pelo grupo Iniciativa pela Saúde das Mulheres (Women’s Health Initiative) e conduzido pela doutora Victoria L. Tseng, da Universidade da Califórnia acompanhou 74 mil mulheres acimada de 65 anos que foram diagnosticadas com Catarata. Metade destas mulheres realizou cirurgia e a outra metade não.

A partir disto foi observado que entre as mulheres que fizeram a cirurgia havia 60% menos risco mortes do que entre as que não fizeram. O curioso é que a diminuição do risco de morte não estava necessariamente ligada à doenças oculares, mas a qualquer tipo de risco.

A teoria dos médicos é que com a visão clara que a cirurgia proporciona, as mulheres tomavam seus remédios de forma correta, praticavam mais exercícios físicos e corriam menos ricos de sofrer quedas e fraturas.

Outra curiosidade do estudo foi uma redução entre 37% até 69% de risco de morte em caso de doenças pulmonares, infecciosas, neurológicas, vasculares e câncer.

Este estudo foi focado em mulheres pois, nos Estados Unidos, existem os casos de cegueira atingem as mulheres 7% a mais do que os homens e em casos de problemas de visão elas são atingidas 33% a mais em comparação a eles.

Segundo os médicos que realizaram o estudo, será necessário fazer novas investigações para explorar a relação entre a cirurgia de catarata e a diminuição de riscos de morte.

Para ler o relatório completo do estudo, clique aqui

 

Assista abaixo ao vídeo do nosso canal do YouTube sobre Catarata.



Veja mais vídeos no YouTube!

 

Deseja marcar uma consulta conosco?
Acesse nosso formulário do site ou ligue para (48) 3029-0260.

Outras Notícias