Notícias
26/12/2019
Ptose Palpebral: O que é e como corrigir essa doença oftalmológica
A notícia apresenta o que é a ptose palpebral, os diferentes tipos de ptose, quem é afetado por isso, a causa e sintomas de cada tipo e como corrigir essa doença.
Compartilhe
/sistema/sys/arquivos/img_posts/251.png?w=415&h=415

O que é Ptose Palpebral?

Ptose Palpebral é um termo médico utilizado para indicar uma condição da queda da pálpebra superior. Essa condição pode ser um problema apenas estético, mas também pode ser o causador de uma perda de visão.

Essa deficiência ocular pode ocorre bilateral (nos dois olhos) ou unilateral (em apenas um dos olhos)

A Ptose Palpebral pode ser congênita, ou seja, a pessoa possui essa doença ocular desde seu nascimento ou pode ser adquirida depois de adulto. No segundo caso, pode vir a ocorrer por conta de uma Miastenia gravis (doença que atinge as junções neuromusculares), lesão do nervo oculomotor ou lesão da inervação simpática.

A Ptose ocorre quando os nervos, responsáveis por elevar a pálpebra não são fortes o suficiente para fazê-lo. Em ambos os casos (ptose congênita ou adquirida), é necessário que seja feito um diagnóstico por um médico oftalmologista.


Ptose Congênita: A Ptose congênita pode ser identificada pela pálpebra caída. Caso o seu bebê incline muito a cabeça para trás, para conseguir enxergar coisas debaixo, pode ser um sinal de pálpebra caída.
Caso você desconfie que o seu filho possui ptose palpebral, a ida ao oftalmologista é urgente. Isso porque, se não for tratada, a ptose pode se tornar uma ambliopia (olho preguiçoso) ou levar a perda de visão por falta de uso.

Ptose adquirida: Aparece gradativamente com o envelhecimento, especialmente após os 60 anos. O grau de ptose palpebral pode variar de uma pessoa para outra. Geralmente pessoas com ptose tem irritação ocular, dificuldade de fechar o olho completamente, fadiga, dores de cabeça, obstrução da parte superior de visão e muitas vezes visão dupla.

Correção
A correção da ptose palpebral é realizada através de cirurgia feita com anestesia local e visa liberar o eixo visual. O intuito é que se recupere a visão. Algumas pessoas desejam fazer também como procedimento estético.

Cada tipo de ptose exige um procedimento específico, que será recomendado pelo seu médico oftalmologista.

Correção de Ptose Congênita: A Ptose Congênita é uma urgência e deve ser realizada até os 4 anos de idade. Caso a cirurgia seja realizada mais tarde, a visão da criança pode ser prejudicada. No entanto, até os 7 anos de idade, ainda é possível realizar a recuperação da visão.

Correção da Ptose adquirida: Essa ptose está diretamente associada ao excesso de pele nas pálpebras. A cirurgia pode ser realizada no momento desejado, desde que essa não esteja atrapalhando a visão. Em caso da necessidade de realizar a cirurgia mais rapidamente, essa deve ser feita. No entanto, a necessidade de uma cirurgia deve ser indicada por um médico oftalmologista.

Você realiza consultas a um médico oftalmologista regularmente? Conheça o Instituto da Visão Assad Rayes.


O Instituto da Visão Assad Rayes é qualificado desde 2005 como hospital especializado e foi fundado em 1996, contando com uma equipe médica altamente competente e experiente, além de equipamentos de primeiro mundo.


Acesse nosso formulário do site ou ligue para (48) 3029-0260.

 

 

Outras Notícias