Notícias
24/05/2019
Malefícios da exposição da luz azul artificial emitida por eletrônicos
O artigo apresenta alguns benefícios da luz azul natural, bem como malefícios da luz azul emitida de maneira artificial por dispositivos eletrônicos.
Compartilhe
/sistema/sys/arquivos/img_posts/230.png?w=415&h=415

A luz azul é emitida por diversas fontes de luz, como o sol ou lâmpadas. Existem dois tipos dessa luz. A luz azul natural  e a luz azul artificial.

Luz azul Natural

A Luz Azul Natural é uma luz benéfica que nos ajuda a regular nosso “relógio biológico” interno, sendo essa luz essencial para uma boa noite de sono. Além disso, essa luz aumenta a atividade do cérebro, o que melhora a memória, o humor e o desempenho mental.

Luz Azul Artificial

Essa luz, diferente da natural, é uma luz que pode ser nociva à saúde dos olhos. A alta exposição a essa luz pode causar danos a retina, aumentando o risco de degeneração macular relacionada com a idade (DMRI), a catarata e a fotoqueratite (queimaduras solares na córnea).

O hábito de utilizar aparelhos eletrônicos no período da noite faz com que tenhamos menor horas de sono. Isso resulta na redução da atuação do hormônio do sono, isso diminui a regulação do crescimento do olho, especialmente em crianças e adolescentes, o que pode causar a miopia.

Alguns estudos feitos em animais apontaram também que a exposição a luz azul proveniente de lâmpadas de LED causou danos nas células fotorreceptoras da retina. Outro estudo apontou também que a exposição crônica a luz azul pode aumentar o risco do desenvolvimento de degeneração macular.

Além desses, um estudo realizado Universidade de Toledo, em Ohio, nos Estados Unidos, apresenta que a luz azul transforma moléculas vitais em uma versão tóxica capaz de deteriorar mais rápido o processo de envelhecimento natural dos olhos. A idade avançada é uma das maiores razões para a cegueira.

Cuidados

Pensar a iluminação de sua casa de maneira inteligente, para diminuir a exposição a luz azul é um cuidado que pode ser muito positivo para a saúde ocular. Além disso, o uso de eletrônicos por muito tempo no período da noite, é algo que deve ser evitado, especialmente para as crianças e adolescentes.

Outro ponto importante quando se fala em saúde ocular é a consulta regular ao oftalmologista. Fazendo exames de rotina  é possível perceber a aparição de possíveis doenças oculares logo no início e o tratamento pode ser feito mais rapidamente e com maior eficácia.

 

Que tal marcar agora mesmo a sua consulta de rotina?

Acesse nosso formulário do site ou ligue para (48) 3029-0260.

 

Outras Notícias